Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Conversas à Mesa

TARTE DE LIMÃO INFALÍVEL

IMG_3506.JPG

 

 

A tarte de limão merengada é fácil de fazer, mas deve seguir estes conselhos para que resulte em pleno. O grande problema costuma ser sempre a humidade que fica nas claras batidas em castelo que leva a que elas encolham enquanto vão deitando líquido. A receita da parte das claras é da Martha Stewart, que não costuma falhar. Eu comprovei.

 

1 pacote de massa quebrada redonda ou feita em casa

Pré-aqueça o forno a 180ºC. Forre uma forma de tarte de fundo amovível com a massa. Cubra com feijão seco ou com os pesos próprios para as tartes não enfolarem. Leve ao forno durante cerca de 20 minutos, ou até ficar dourada.

 

Recheio

250 g de açúcar

1 colher de sopa de farinha

4 chávenas de leite

100 g de farinha

4 gemas

Raspa de 3 limões, de preferência biológicos

 

Coloque todos os ingredientes num tacho e leve a lume médio, mexendo sempre com as varas, até engrossar. Coloque uma película plástica sobre o creme e leve ao frigorífico durante umas horas, ou de um dia para o outro.

 

Cobertura de merengue

6 claras XL

150 g de açúcar

1 colher de café de cremor tártaro

1 colher de café de farinha maisena

 

 

Numa taça bem limpa, deite as claras e o açúcar. Coloque em banho-maria sobre um tacho com água apenas a fervilhar. Coloque a taça sobre o tacho, tendo cuidado para o fundo não tocar na água. A intenção é dissolver o açúcar todo, de modo a que o merengue fique mais sólido e uniforme. Para ver se todo o açúcar está dissolvido, coloque e um pouco de claras entre os dedos, para sentir se ainda existem eventuais grãos de açúcar.

Bata as claras com o batedor eléctrico e junte o cremor tártaro. As claras devem formar picos bem firmes e ficarem brancas e brilhantes, mas não as bata demasiado, para não secarem. Adicione a maisena e bata para incorporar (o papel da maisena é absorver algum líquido que as claras possam ter).

 

 

MONTAGEM

Na hora de servir, deite o recheio de limão na massa e alise. Deite as claras às colheradas sobre o recheio, tendo o cuidado de o cobrir completamente. Em seguida, com as costas da colher abaixe as claras, de maneira a formarem picos. Em seguida, pode dourar as claras no grelhador do forno, mas a melhor técnica é usar o maçarico de cozinha. Desta forma, as claras não secam tanto nem deitam líquido. A tarte deve ser servida sem demora.